A cidade com o nome mais comprido do mundo

Curiosidades

A cidade com o nome mais comprido do mundo
Não tente pronunciar sequer. A enorme palavra está escrita em Maori e podia pensar-se que se refere a algo nobre e magnificente, como um palácio opulento ou um deus todo-poderoso de uma civilização remota. Nada disso: é apenas o nome de uma pequena colina situada na baía de Hawke, na Nova Zelândia. Desiludido?

Taumatawhakatangihangakoauauotamateaturipukakapikimaungahoronukupokaiwhenuakitanatahu

A cidade com o nome mais comprido do mundo

Em muitas culturas antigas, os nomes das pessoas e das coisas provêm de acontecimentos seculares relacionados com a religião que são descritos de forma muito completa e específica.

Taumatawhakatangihangakoauauotamateaturipukakapikimaungahoronukupokaiwhenuakitanatahu

Significa literalmente O cume da colina onde Tamatea, o homem de joelhos grandes, o escalador montanhas, o comedor de terra, o viajante, tocou flauta nasal para sua amada. 85 caracteres. Ufa! Mas pesar do nome tão poético, o local nada tem de especial. Não deixa por isso de ser explorado como atracção turística pelo governo neozelandês.

A cidade com o nome mais comprido do mundo

A cidade com o nome mais comprido do mundo

Outras localidades, invejosas, tentam competir, como a aldeia de Llanfairpwllgwyn-gyllgogerychwyrndrobwllllantysiliogogogoch, no País de Gales, com uns ridículos 58 caracteres. Mais recentemente Bangkok reclamou que o seu verdadeiro nome seria afinal:

Krungthepmahanakornamornratanakosinmahintarayutthayamahadilokphopnopparatrajathani-buriromudomrajaniwesmahasatharnamornphimarnavatarnsathitsakkattiyavisanukamprasit,

com 163 caracteres, tentando deste modo arrebatar o primeiro lugar à pequena colina neozelandesa. Sabe-se que aguarda homologação.

Fonte: Obvious

8 comentários

Deixe uma resposta