O mundo de um viciado em videogames

Variedades

Quando eu era criança, minha mãe me mandava parar de jogar videogame ou até me proibia de jogar alguns jogos para evitar que eu fosse influenciado negativamente por eles, como jogos violentos, por exemplo. Já publiquei aqui no blog um post sobre a síndrome dos jogos de tiro em primeira pessoa. Algumas vezes, um sujeito joga tanto videogame que passa a não diferenciar o jogo da vida real, é o que mostra o vídeo. Parece divertido…!


In the Game

3 comentários

Deixe uma resposta