brand_spirit

Projeto fotográfico: Brand Spirit

Fotografia

O projeto “Brand Spirit” (Espírito da marca) criado pelo artista Andrew Miller tem como conceito pintar objetos deixando-os completamente brancos para reduzi-los à sua forma mais simples, sem marca ou logotipo. É uma busca pelo design puro, o valor real frequentemente camuflado sob as coleiras do marketing.

Projeto fotográfico: Brand Spirit

Projeto fotográfico: Brand Spirit Projeto fotográfico: Brand Spirit Projeto fotográfico: Brand Spirit Projeto fotográfico: Brand Spirit Projeto fotográfico: Brand Spirit Projeto fotográfico: Brand Spirit

]Projeto fotográfico: Brand Spirit

Projeto fotográfico: Brand Spirit Projeto fotográfico: Brand Spirit Projeto fotográfico: Brand Spirit Projeto fotográfico: Brand Spirit Projeto fotográfico: Brand Spirit Projeto fotográfico: Brand Spirit
Projeto fotográfico: Brand Spirit Projeto fotográfico: Brand Spirit Projeto fotográfico: Brand Spirit Projeto fotográfico: Brand Spirit Projeto fotográfico: Brand Spirit Projeto fotográfico: Brand Spirit Projeto fotográfico: Brand Spirit Projeto fotográfico: Brand Spirit Projeto fotográfico: Brand Spirit Projeto fotográfico: Brand Spirit Projeto fotográfico: Brand Spirit

Projeto fotográfico: Brand Spirit

Fonte: Andrew Miller

5 comentários

Andre Neves

Como assim: “valor real frequentemente camuflado sob as coleiras do marketing”??? Eu sou estudante de marketing e me pareceu muito pejorativo isso. Parece que Marketing serve para enganar as pessoas. Quem estuda e conhece sabe que não tem nada a ver, mas o preconceito generalizado destrói ensinamentos de grandes personalidades como Philip Kotler e Peter Drucker….

Responder
Pedro Sá

Obrigado pelo comentário, Andre! Não sou estudante de marketing e com certeza não entendo as teorias por trás dele. De maneira alguma quis soar pejorativo, mas você deve concordar comigo que muitas vezes o marketing tem o objetivo principal vender o produto independente da qualidade, utilizando cores e textos chamativos. A intenção foi dizer que esta série fotográfica apenas leva os objetos ao seu nível mais básico, independente das intenções de venda por trás deles. Concorda?

Responder

Deixe uma resposta