No coração do deserto Karakum, no Turcomenistão, a cratera de gases Darvaza tem um brilho que pode ser visto a quilômetros de distância durante a noite escura. A grande cratera é resultado de um acidente numa exploração de gás pelos soviéticos que ocorreu em 1971. Ela foi criada quando uma sonda soviética perfurava o solo em busca de gás natural e caiu em uma caverna subterrânea, resultando numa cratera que hoje mede aproximadamente 60 metros de diâmetro e 20 metros de profundidade. A enorme cratera foi incendiada logo após ser descoberta e permanece queimando desde então. O cheiro de enxofre pode ser sentido de longe, e fica muito forte a medida que se aproxima da borda da cratera ardente.

Os portões do inferno

Os portões do inferno

Os portões do inferno

Os portões do inferno

Os portões do inferno

Os portões do inferno

Os portões do inferno

Os portões do inferno

Os portões do inferno

Os portões do inferno

Os portões do inferno

Os portões do inferno

Os portões do inferno

Os portões do inferno

Os portões do inferno

Os portões do inferno

Os portões do inferno

Os portões do inferno

Os portões do inferno

Os portões do inferno

Os portões do inferno

Os portões do inferno

Fonte: Lazy Palace