teatro_bolshoi

O famoso Teatro Bolshoi reaberto após uma grande reforma

Fotografia

O famoso Teatro Bolshoi acabou de ser reaberto após uma restauração que custou cerca de 700 milhões de dólares! E, pra ser honesto, ficou maravilhoso! Em algumas fotos é possível ver como estava e como ficou o teatro após a reforma. Apesar do resultado, a reforma foi marcada por acusações de desvios de fundos e corrupção. O teatro fica em Moscou, na Rússia, mas isso não é muito diferente aqui no Brasil, não é?

O famoso Teatro Bolshoi reaberto após uma grande reforma

O famoso Teatro Bolshoi reaberto após uma grande reforma O famoso Teatro Bolshoi reaberto após uma grande reforma O famoso Teatro Bolshoi reaberto após uma grande reforma O famoso Teatro Bolshoi reaberto após uma grande reforma O famoso Teatro Bolshoi reaberto após uma grande reforma O famoso Teatro Bolshoi reaberto após uma grande reforma O famoso Teatro Bolshoi reaberto após uma grande reforma O famoso Teatro Bolshoi reaberto após uma grande reforma O famoso Teatro Bolshoi reaberto após uma grande reforma O famoso Teatro Bolshoi reaberto após uma grande reforma O famoso Teatro Bolshoi reaberto após uma grande reforma O famoso Teatro Bolshoi reaberto após uma grande reforma O famoso Teatro Bolshoi reaberto após uma grande reforma
O famoso Teatro Bolshoi reaberto após uma grande reforma O famoso Teatro Bolshoi reaberto após uma grande reforma O famoso Teatro Bolshoi reaberto após uma grande reforma O famoso Teatro Bolshoi reaberto após uma grande reforma O famoso Teatro Bolshoi reaberto após uma grande reforma O famoso Teatro Bolshoi reaberto após uma grande reforma O famoso Teatro Bolshoi reaberto após uma grande reforma O famoso Teatro Bolshoi reaberto após uma grande reforma O famoso Teatro Bolshoi reaberto após uma grande reforma O famoso Teatro Bolshoi reaberto após uma grande reforma O famoso Teatro Bolshoi reaberto após uma grande reforma O famoso Teatro Bolshoi reaberto após uma grande reforma

O famoso Teatro Bolshoi reaberto após uma grande reforma

5 comentários

Deixe uma resposta