Feras em close: de cara com o perigo

Fotografia

O fotógrafo britânico Jonathan Griffiths, 32, tem muito sangue frio. Griffiths tirou fotos a poucos centímetros de tigres, leões, ursos e outros animais. Griffiths encarou o frio de -40º e ganhou a confiança de cada animal ao longo de dois ou três dias atraindo-os com pedaços de carne. O Sr. Coragem ganhou a câmera há 2 anos como presente de aniversário de sua noiva. Tudo que ela queria era que ele tirasse fotos de seu filho recém-nascido, mas tudo mudou depois de visitarem um zoológico local.

Após o passeio, Jonathan decidiu que o que ele queria era fotografar os poderosos predadores em seu habitat natural. Ele então foi para os EUA e se hospedou uma pousada perto de onde tiraria as fotos. Passou então a acordar às 5:30h todos os dias para sua aventura.

Ele admitiu que a adrenalina era grande, por estar tão perto de animais tão ferozes, vendo a baba escorrendo pelo canto da boca com dentes afiados. O projeto durou 15 meses. Felizmente, ele e sua câmera sobreviveram ao desafio.

9 comentários

Deixe uma resposta